Administração municipal de Cristal do Sul através da secretaria do meio ambiente e Emater vem incentivando os moradores do perímetro urbano a confeccionarem uma composteira no pátio de sua casa para transformarem restos de Frutas, verduras, legumes, grãos, sementes, borra e filtro de café, erva de chimarrão, saquinhos de chá, cascas de ovos, restos de Alimentos cozidos, frutas estragadas entre tantos resíduos orgânicos que geramos no dia a dia e que atualmente consideramos apenas como lixo e pode ser colocado para decompor e gerar adubo.
O tempo de decomposição depende da temperatura, da umidade, da quantidade e do tipo do material a ser compostado, pois se trata de um processo biológico, em que os micro-organismos, como fungos e bactérias, fazem a degradação da matéria orgânica e é uma prática inofensiva para o meio ambiente e quanto maior for o controle, mais rápido será o processo.
 O composto pronto é um fertilizante com alto teor de matéria orgânica estabilizada e utilizada no solo como corretivo, principalmente em solos pobres em matéria orgânica, possui cor escura e cheiro de terra e pode ser usados em hortas, vasos de flores, jardins e se preferir até na lavoura.
O modelo escolhido é feito com uma bombona plástica com tampa e sem o fundo, para instalar deve ser aberto um buraco no chão, em local sombreado, onde os resíduos serão depositados diariamente. A dimensão vai depender do tamanho da bombona escolhida, aterrar até as alças e pronto, já pode depositar os resíduos orgânicos que separou.
Para os interessados em começar, a Secretaria Municipal do Meio Ambiente e Emater de Cristal do Sul estão fazendo pedidos de novas bombonas e instruindo o modo correto de instalar.













Levi de Oliveira

Postar um comentário:

0 comments: