Notícias

6/recent/ticker-posts
ANUNCIE AQUI
ANUNCIE AQUI

Projeto identifica oportunidades para desenvolver o turismo regional.

 



 

Sicredi, em parceria com o Sebrae, idealizou iniciativa para contribuir com o o turismo regional.

 Na primeira etapa, o Radar Turístico individualizado foi entregue a 20 municípios, sendo que Cristal do Sul foi representado no evento pelo Prefeito Otelmo Reis da Silva, vice-prefeito Ademar Facco, Professor Adilson do Prado e Fernando De Carli da Agência Sicredi de Cristal do Sul.


 Alavancar o turismo, valorizando as potencialidades locais dos municípios e comuns à região, foi o objetivo do Projeto de Desenvolvimento do Turismo Regional, elaborado pela Sicredi Alto Uruguai RS/SC/MG, tendo como parceiro o Sebrae-RS, contando com a intercooperação da Sicredi Região da Produção RS/SC/MG. Para dar andamento ao plano – com discussões iniciadas ainda em 2020 –, na terça-feira, 14, no Garimpo Restaurante, em Ametista do Sul, aconteceu mais uma etapa, a exposição do que foi feito até o momento e a entrega do Radar Turístico aos municípios, com dados locais.

Valorizando a iniciativa, todos os 20 municípios envolvidos estiveram representados no evento, a maioria pelos seus prefeitos, todos elogiando a ideia e se propondo a inserir os aspectos apresentados nos seus planos de governo. Entre eles, o chefe do Poder Executivo anfitrião, Jadir Kovaleski. “Estamos muito felizes com este olhar diferenciado que a Cooperativa e o Sebrae estão tendo para com nossas cidades e, especialmente, com o turismo. Sabemos que podemos crescer muito ainda nesta área e com este apoio, com dados locais exclusivos, será mais fácil investirmos no setor de forma mais assertiva”, acredita o gestor.

Este projeto foi idealizado através do “Aceleração Regional”. O programa, lançado em 2019 pela Cooperativa com o objetivo de auxiliar no desenvolvimento coletivo local e regional, desafiou-se a construir um estudo para estimular e subsidiar as discussões relativas aos desafios e oportunidades presentes na região. Entre as necessidades apontadas no estudo, estava maior incentivo ao setor de turismo na região, buscando desenvolvê-lo e fortalecê-lo.

Atendendo este desejo da comunidade, Sicredi Alto Uruguai RS/SC/MG investiu nesse projeto. Conforme a presidente, Angelita Marisa Cadoná, a grande presença das lideranças regionais no evento, comprova o quanto os municípios estão valorizando esta iniciativa e engajados, buscando melhorias no setor. “Acredito que, a partir do Radar, a região começa a escrever uma página diferenciada na história do turismo e ficamos muito felizes por isso. A nossa vocação, a nossa essência e, principalmente, o nosso grande propósito é de estarmos juntos, sempre mantendo um relacionamento construtivo com todos os municípios onde estamos presentes. Por isso, acreditamos que possamos ser um grande elo deste engajamento com relação a este projeto, que com certeza será transformador”, ressalta Angelita.

   

Radar Turístico

A equipe da Unisinos foi quem desenvolveu as pesquisas individuais sobre os municípios. Representando a universidade, Marcelo Fonseca apresentou os dados gerais do levantamento, durante a programação. “No estudo, elencamos as belezas naturais, atividades produtivas, história e cultura, ecologia e projetos ligados à sustentabilidade, além das características peculiares, como a água mineral de Iraí, o barro medicinal de Vicente Dutra e as pedras de Ametista do Sul. Através da pesquisa e análise, sabemos que temos muito a evoluir, mas estamos muito esperançosos com o que vem pela frente, pois entendemos que é possível o setor crescer muito nesta região, porque vimos vários potenciais”, justificou Fonseca.

 

O Sebrae

O envolvimento do Sebrae foi efetivo desde o início do projeto. Em julho, aconteceram eventos micro regionalizados de apresentação da ideia às lideranças. Após, foi feita toda a pesquisa para a elaboração do Radar. Com este documento fica claro quais são as ações que competem aos poderes públicos e o que cabe à iniciativa privada.

De acordo com a coordenadora estadual do Turismo do Sebrae-RS, Amanda Paim, o próximo passo é ver como cada município agregará ações que contribuam para o projeto regional. “Temos ainda as atividades estratégicas por mais três meses, para dar a sustentação que a região precisa, pensando ações de curto, médio e longo prazos. Vamos criar iniciativas conjuntas para atrair investimentos, definir prioridades, construir novos projetos e melhorar as estruturas já existentes”, detalha Amanda.    

Dando sequência aos trabalhos, na quarta-feira, 15, em Rodeio Bonito, aconteceu outro momento do projeto, voltado à construção junto à governança, a empresários. “Essa iniciativa é uma construção conjunta, com troca de informações para que realmente este projeto seja significativo, relevante e consistente”, frisa Amanda.






 

 Com informações e Fotos: ASCOM Sicredi.

 

Postar um comentário

0 Comentários