PROGRAMAÇÃO AO VIVO APARTIR DAS 6:00 DA MANHÃ.
Grêmio e Inter divergem sobre liberação de ingressos « Rádio Coletiva

Radio

quinta-feira, 17 de outubro de 2013

Grêmio e Inter divergem sobre liberação de ingressos

quinta-feira, 17 de outubro de 2013 - by radiocoletiva105.9



Inter e Grêmio divergem sobre liberação de ingressos <br /><b>Crédito: </b> Montagem sobre fotos de Lucas Uebel e Alexandre Lops
Inter e Grêmio divergem sobre liberação de ingressos
Crédito: Montagem sobre fotos de Lucas Uebel e Alexandre Lops











Colorado deve entregar apenas 500 bilhetes para Gre-Nal apesar de notificação da CBF


Se no Gre-Nal do primeiro turno do Brasileirão a polêmica era a presença das duas torcidas, agora no clássico do segundo turno, marcado para este domingo, o assunto que coloca Grêmio e Inter em lados apostos são os ingressos. O Colorado deve ser notificado pela CBF e intimado a ceder 1,8 mil bilhetes para a torcida do Grêmio, mas, de acordo com o vice-presidente de administração do Inter, José Amarante, o time só irá liberar 500 entradas. A informação é do repórter da Rádio Guaíba Flavio Dal Pizzol.

Os 500 ingressos disponibilizados pelo Inter obedeceriam à porcentagem de bilhetes cedidos aos torcedores colorados no Gre-Nal realizado na Arena. Na ocasião, 1,5 mil entradas foram para as mãos dos vermelhos. O Grêmio, porém, deseja contar com o mesmo número bilhetes, o que estaria de acordo com os 10% previstos no regulamento, de acordo com a capacidade do estádio Centenário. 

Representando o mandante do jogo, o diretor de futebol do Inter Marcelo Medeiros afirmou que a solicitação do Grêmio surpreendeu a diretoria colorada. "Isto foi estabelecido de acordo com o percentual. O Inter recebeu 1,5 mil ingressos para um estádio que, segundo o Grêmio cabem 60 mil pessoas. Cerca de 15 mil lugares estavam vazios e o número de bilhetes que recebemos equivalem a 2,5% da capacidade do estádio", argumentou em entrevista coletiva. "Seria o mesmo critério do primeiro turno", acrescentou.

Determinação da BM definiu número de ingressos

O presidente do Grêmio, Fábio Koff, afirmou que as 1,5 mil entradas cedidas para a torcida do Inter no Gre-Nal da Arena foram uma determinação da Brigada Militar (BM), responsável pela segurança do estádio. "Este número foi acordado com todas as partes até porque um número maior dificultaria a logística da BM. Os torcedores do Inter foram escoltados em duas etapas e de dois lugares distintos. Nós não teríamos problemas em liberar 4 mil ingressos, por exemplo, mais aí seria um problema de segurança", afirmou.

Koff comentou que o Grêmio enviou o ofício para CBF para cumprir um prazo determinado pelo regulamento do Brasileirão. "O presidente do Inter é um homem muito sério, mas eu não poderia esperar a resposta dele sobre este assunto porque aí perderíamos o prazo previsto para o visitante solicitar os ingressos. Enviamos e recebi a informação de que a CBF quer a liberação de 1,8 mil entradas, mas nós aceitamos os 1,5 mil", frisou. 

Fonte: Correio do Povo
Postado por Levi de Oliveira

Tags:


© 2014 Rádio ColetivaTodos os Direitos Reservad