PROGRAMAÇÃO AO VIVO APARTIR DAS 6:00 DA MANHÃ.
Especialista sugere rodízio de jogadores do Inter para amenizar o efeito da maratona « Rádio Coletiva

Radio

terça-feira, 10 de setembro de 2013

Especialista sugere rodízio de jogadores do Inter para amenizar o efeito da maratona

terça-feira, 10 de setembro de 2013 - by radiocoletiva105.9


Equipe de Dunga atuará praticamente uma vez a cada 48 horas nos próximos dias


Especialista sugere rodízio de jogadores do Inter para amenizar o efeito da maratona Fernando Gomes/Agência RBS/
Inter terá desgastante sequência de jogos pela frenteFoto: Fernando Gomes/Agência RBS

O bom momento do Inter no Brasileirão será colocado à prova nessa semana. Contando com a vitória sobre a Ponte Preta, no sábado, mais os jogos contra Santos, terça à noite, no Estádio do Vale, diante do Vitória, quinta-feira, no Vale outra vez, e contra o Criciúma, nesse domingo, em Santa Catarina, a equipe de Dunga terá disputado quatro jogos em oito dias. Praticamente uma partida a cada 48 horas. E precisando ganhar para seguir recuperando terreno no Brasileirão.
Inter e Santos foi remarcado da 10ª rodada, de 31 de julho, porque os paulistas disputaram amistoso com o Barcelona na Espanha. Caso vença,  o Inter fechará o primeiro turno na quinta colocação, a um ponto do G-4. Também em ritmo de maratona, o Santos jogará quatro vezes em oito dias. Mas poderá poupar Cícero em Novo Hamburgo. Arouca e Montillo, ambos lesionados, seguem fora. Neilton também. Apesar da dura sequência, o Inter terá apenas um desfalque. E por suspensão: Gabriel. Jorge Henrique deverá ser o lateral-direito.
– Um jogador precisa de pelo menos 72 horas para uma recuperação ideal. O calendário brasileiro está limitando a longevidade dos atletas. É um estresse é desumano, que inibe o desenvolvimento do jogador – afirma o coordenador de preparação física do Inter, Élio Carravetta.
– O Bayern, de Munique, disputou 54 jogos na temporada passada. Nós, já estamos com 46. Para voltar de Salgueiro, percorremos 8,5 mil quilômetros, um absurdo.
Sem conseguir treinar, os jogadores do Inter têm realizado treinos regenerativos, como alongamentos e corridas leves, além de terem por recomendação noites com pelo menos oito horas de sono.
– Estamos utilizando qualquer intervalo para recuperar as reservas energéticas dos jogadores. Mas, com essa série de partidas, sempre se corre o risco de lesões por sobrecarga nos jogos – comenta Carravetta.
Segundo o coordenador, a base de preparação física feita pelo clube no começo da temporada está ajudando os jogadores na recuperação neste momento, mas não serve como uma espécie de "poupança" energética para os atletas. O desgaste físico e psicológico pode ter sido o responsável pelo mau primeiro tempo do Inter em Campinas. No segundo tempo, mais atento ao jogo, o time de Dunga venceu a Ponte Preta com naturalidade.
– Esta sobrecarga de jogos afeta a atenção do atleta, impede por vezes que fique em estado de prontidão, que permite a tomada de decisões em milésimos de segundos – explica Carravetta.
Também o fisiologista Luiz Crescente, do Inter, condena o excesso de jogos. Nesse caso, a alimentação e a suplementação ganham atenção especial.
– Na teoria do treinamento físico, a gente quantifica como forte, médio e fraco. No caso do Inter, serão quatro cargas fortes em uma semana, quando o ideal seria apenas duas no período.
Segundo Crescente, quem sofre com isso é a parte técnica, sem tempo para remontar o sistema tático:
– Não duvido que, em casos pontuais, haja rodízio de jogadores. A suspensão de Gabriel, por um lado, foi bom, porque ele estará recuperado para quinta. Os demais, vamos estudar o caso junto com a comissão técnica.
Brasileirão - jogo atrasado da 10ª rodada - 10/9/2013
INTER: Alisson; Jorge Henrique, Índio, Juan, Fabrício; Ygor, Willians, D'Alessandro, Otávio; Scocco, Leandro Damião. Técnico: Dunga
SANTOS: Aranha; Cicinho, Edu Dracena, Durval, Émerson; Alison, Alan Santos, Leandrinho, Cícero (Everton Costa); Gabriel, Thiago Ribeiro. Técnico: Claudinei Oliveira
Horário: 19h30min
Arbitragem: Marcelo de Lima Henrique (RJ), auxiliado por Bruno Boschilia (PR) e Wagner de Almeida Santos (RJ).
Local: Estádio do Vale, em Novo Hamburgo.
Ingressos: arquibancada coberta R$ 100, central R$ 80, Norte/Sul R$ 60 (sócios têm 50% de desconto).
O jogo no ar: a Rádio Gaúcha abre a jornada às 18h50min. O canal fechado PREMIERE 1 transmite ao vivo.
ZHESPORTES

Tags:


© 2014 Rádio ColetivaTodos os Direitos Reservad